Entretenimento, Filmes, Livros

Tag Literária – A Bela e A Fera

 

A adaptação da animação da Disney “A Bela e A Fera” está chegando aos cinemas nesse mês e, para comemorar, enquanto esperamos o lançamento desse filme que vai trazer de volta a alegria da nossa infância, respondi a Tag Literária – A Bela e A Fera, criada pela Melina Souza do Blog Serendipity. O link para o vídeo original dela está aqui.

IMG_8590_Fotor_Fotor

CATEGORIAS:

  1. Bela: um livro com a capa e com a história bonita
  2. Fera: um livro com a capa feia, mas com a história legal
  3. Lumiére: um livro que acendeu algo dentro de você
  4. Horloge: um livro que você devorou sem sentir o tempo passar
  5. Maurice: o livro mais velho da sua estante
  6. Madame Samovar: um livro que te faz sentir aconchego
  7. Zip: um livro narrado por criança
  8. Gaston: um livro com a capa bonita, mas que o conteúdo não é tão bom
  9. Um livro que se passa na França
  10. Um livro que você está ansioso para ser lançado

 

LIVROS CITADOS:

IMG_8582_Fotor.jpg

VÍDEO:

 

Não deixem de assistir ao vídeo, se inscrever no canal e dar um like se vocês gostaram!

 

Espero que vocês tenham gostado!

Muito obrigada por tudo!

Beijinhos!!!

Entretenimento, Filmes, Livros, Séries

5 mulheres da ficção que você precisa conhecer

 

No dia da mulher, nada melhor do que relembrar personagens marcantes que conquistaram vários fãs e que servem de exemplo para todos e todas! Seguem aqui 5 mulheres da ficção que conquistaram meu coração e que vocês devem conhecer!

Annalise DeWitt – How To Get Away With Murder (2014)

1

Interpretada pela ~maravilhosa~ Viola Davis, Annalise é uma professora reconhecida do curso de direito. Na série, ela é apresentada como uma mulher forte, cujos alunos tentam impressionar e na qual se inspiram. Assisti apenas a 1ª temporada por enquanto, mas foi o suficiente para que eu me apaixonasse, tanto pelo trabalho da atriz quanto pela história. A série é daquele tipo que não dá vontade de parar de assistir, então se preparem!

Sinopse: Michaela, Wes, Laurel e Patrick são ambiciosos calouros de Direito da prestigiada academia East Coast Law School, onde apenas os melhores alunos podem participar de casos reais. Eles competem entre si para conseguir a atenção da carismática e sedutora Professora Annalise DeWitt (Viola Davis), na aula de Direito Criminal 1, também conhecida como “Como Se Livrar de Um Assassinato”.

Jules Ostin – Um Senhor Estagiário (2015)

2

Com a Anne Hattaway interpretando a protagonista, esse filme não poderia deixar de ser maravilhoso! Jules Ostin é o exemplo das mulheres do século XXI: lutam para conquistar um espaço no mundo do trabalho e, quando bem-sucedidas, sofrem com a pressão para cuidar da casa, da família e do trabalho ao mesmo tempo. Em suas conversas com Ben Whittaker (Robert De Niro), podemos perceber as reflexões dos personagens e como a amizade entre eles vai se desenvolvendo. Um dos melhores filmes que vi nos últimos tempos!

Sinopse: Jules Ostin (Anne Hathaway) é a criadora de um bem-sucedido site de venda de roupas que, apesar de ter apenas 18 meses, já tem mais de duas centenas de funcionários. Ela leva uma vida bastante atarefada, devido às exigências do cargo e ao fato de gostar de manter contato com o público. Quando sua empresa inicia um projeto de contratar idosos como estagiários, em uma tentativa de colocá-los de volta à ativa, cabe a ela trabalhar com o viúvo Ben Whittaker (Robert De Niro). Aos 70 anos, Ben leva uma vida monótona e vê o estágio como uma oportunidade de se reinventar. Por mais que enfrente o inevitável choque de gerações, logo ele conquista os colegas de trabalho e se aproxima cada vez mais de Jules, que passa a vê-lo como um amigo.

Erin Gruwell – Escritores da Liberdade (2007)

3

Em um dos filmes que me fez entender que eu realmente queria ser professora, a atriz Hilary Swank interpreta a professora Gruwell que, iludida com o ideal de turma perfeita, começa a dar aula em uma escola da periferia e encontra um desafio bem maior do que o esperado. Ao invés de simplesmente desistir da turma, ela resolve aceitar o desafio e seguir em frente. Um exemplo das mulheres que não desistem frente aos desafios! P.S.: a história foi baseada na realidade, a professora Gruwell realmente existe! ❤

Sinopse: Uma jovem e idealista professora chega à uma escola de um bairro pobre, que está corrompida pela agressividade e violência. Os alunos se mostram rebeldes e sem vontade de aprender, e há entre eles uma constante tensão racial. Assim, para fazer com que os alunos aprendam e também falem mais de suas complicadas vidas, a professora Gruwell (Hilary Swank) lança mão de métodos diferentes de ensino. Aos poucos, os alunos vão retomando a confiança em si mesmos, aceitando mais o conhecimento, e reconhecendo valores como a tolerância e o respeito ao próximo.

Hermione Granger – Harry Potter (1997 livro/2001 filme)

4

Introduzida nos livros de J.K. Rowlling, na saga “Harry Potter”, mais tarde adaptada ao cinema e interpretada pela atriz Emma Watson, Hermione Granger é uma jovem independente, determinada e inteligente, que não mede esforços para adquirir conhecimentos e ajudar os amigos. No início da história, ela é vista como a “durona”, mas acaba se tornando fundamental para a trama e para a sobrevivência do queridinho Harry Potter. Não é à toa que ela conquistou uma legião de fãs ao redor do mundo!

Sinopse (Harry Potter e a Pedra Filosofal): Harry Potter (Daniel Radcliffe) é um garoto órfão de 10 anos que vive infeliz com seus tios, os Dursley. Até que, repentinamente, ele recebe uma carta contendo um convite para ingressar em Hogwarts, uma famosa escola especializada em formar jovens bruxos. Inicialmente Harry é impedido de ler a carta por seu tio Válter (Richard Griffiths), mas logo ele recebe a visita de Hagrid (Robbie Coltrane), o guarda-caça de Hogwarts, que chega em sua casa para levá-lo até a escola. A partir de então Harry passa a conhecer um mundo mágico que jamais imaginara, vivendo as mais diversas aventuras com seus mais novos amigos, Rony Weasley (Rupert Grint) e Hermione Granger (Emma Watson).

Elizabeth Bennet – Orgulho e Preconceito (1813 livro/2005 filme)

5

Fugindo da tradição do seu tempo, Elizabeth não quer simplesmente casar com quem a família acha melhor, ou com quem paga melhor, estando assim disposta a permanecer solteira. Com personalidade muito forte, além de ser muito inteligente e brincalhona, com um sentido de observação apurado, a personagem foi ~maravilhosamente~ interpretada por Keira Knightley na adaptação da história às telonas em 2005.

Sinopse (filme): Inglaterra, 1797. As cinco irmãs Bennet – Elizabeth (Keira Knightley), Jane (Rosamund Pike), Lydia (Jena Malone), Mary (Talulah Riley) e Kitty (Carey Mulligan) – foram criadas por uma mãe (Brenda Blethyn) que tinha fixação em lhes encontrar maridos que garantissem seu futuro. Porém Elizabeth deseja ter uma vida mais ampla do que apenas se dedicar ao marido, sendo apoiada pelo pai (Donald Sutherland). Quando o sr. Bingley (Simon Woods), um solteiro rico, passa a morar em uma mansão vizinha, as irmãs logo ficam agitadas. Jane logo parece que conquistará o coração do novo vizinho, enquanto que Elizabeth conhece o bonito e esnobe sr. Darcy (Matthew Macfadyen). Os encontros entre Elizabeth e Darcy passam a ser cada vez mais constantes, apesar deles sempre discutirem.

Sinopses retiradas do site Adoro Cinema!

Um feliz dia da mulher a todas aquelas que não se cansam de lutar, seja pelos seus sonhos ou direitos, movidas pela esperança ou necessidade. Parabéns!

Espero que tenham gostado do post! Qual são suas personagens femininas preferidas?

Muito obrigada por tudo, pessoal!

Beijinhos!!!

Filmes

5 lições que aprendi com “La La Land – Cantando Estações”

 

La La Land

 

Mesmo com a confusão do ganhou-só-que-não o prêmio de melhor filme no Oscar, La La Land – Cantando Estações ganhou meu coração já no primeiro trailer ao qual assisti! O filme levou 7 estatuetas do Globo de Ouro e 6 dos 14 prêmios do Oscar aos quais foi indicado, incluindo o de melhor atriz, para Emma Stone, e melhor diretor, para Damien Chazelle (o mesmo de Whiplash – Em busca da perfeição).

 

Sinopse: Ao chegar em Los Angeles o pianista de jazz Sebastian (Ryan Gosling) conhece a atriz iniciante Mia (Emma Stone) e os dois se apaixonam perdidamente. Em busca de oportunidades para suas carreiras na competitiva cidade, os jovens tentam fazer o relacionamento amoroso dar certo enquanto perseguem fama e sucesso. – Fonte: Adoro Cinema

Nunca assisti a muitos musicais (com exceção de High School Musical, né), então não sabia se ia realmente gostar, porém, as músicas enriqueceram muito a história e, por mais que as sequências pareçam absurdas, cada música transmite uma mensagem e está conectada ao contexto do filme. Algumas interpretações eu só fui entender quando li mais sobre o filme – às vezes eu sou meio devagar, hehe -, mas isso acabou me deixando ainda mais encantada com a genialidade da obra!

Não podia deixar de escrever sobre o filme, mas já adianto que vocês PRECISAM assistir, nem que seja para não gostar… e aqui vão 5 lições que aprendi com o filme!

  1. “Estou deixando a vida bater em mim até que ela se canse. Aí eu vou revidar. É um golpe clássico”

Trailer 3 - Dreamers (1).gif

Narrando a busca de dois artistas pelo sucesso, Sebastian, querendo abrir seu próprio clube de jazz; Mia, querendo ser uma atriz, o filme mostra como o mundo do entretenimento não é assim tão simples, quanto esforço é necessário, e como é necessário ser mais teimoso do que a vida, de vez em quando, e continuar persistindo no que de fato desejamos – e isso vale para todo mundo!

  1. “As pessoas amam aquilo que os outros fazem com paixão”

Trailer 1 - City Of Stars

Sabe aquele momento de crise entre fazer o que amamos ou o que nos traz mais benefícios? Então, aqui vai uma liçãozinha: conquiste as pessoas com seu amor pelo que faz e você terá o devido retorno!

  1. “Um brinde àqueles que sonham! Mesmo que pareçam bobos. Um brinde aos corações partidos e toda a bagunça que causam!”

Trailer 2 - Audition

Aaaah, a letra de Audition (The Fools Who Dream) é tão linda! A música foi indicada ao Oscar de “Melhor canção original”, porém perdeu para “City Of Stars”, outra música do filme, que também é maravilhosa. Durante todo o filme podemos perceber a mensagem de que devemos persistir nos nossos sonhos e nunca desistir.

  1. “Esse é o sonho. É conflito e comprometimento e é muito, muito emocionante.”

Trailer 3 - Dreamers

O caminho para alcançar nossos objetivos não é ~nada~ fácil, mas você já parou para pensar que talvez isso seja o que torna tudo tão especial?

  1. “Você poderia escrever seus papéis, sabe, escrever algo tão interessante quanto você é.”

Trailer 2 - Audition (2)

Quando a vida não te dá as oportunidades que você procura, crie-as! A Mia vivia buscando papéis para os quais não conseguia ser aprovada e está aí em cima a dica que o Sebastian dá para ela. Torne suas lições, os seus gostos e aquilo que você tem em algo ainda mais especial!

P.S.: Os gifs eu mesma que fiz nesse link aqui, você pode fazer os seus também, a partir dos 3 trailers!

O filme é cheio de referências a clássicos do cinema, e neste vídeo você vê comparações entre as cenas do filme com os originais:

E vocês, já assistiram ao filme? Espero que tenham gostado do post!

Muito obrigada por tudo, pessoal!

Beijinhos!!!

Entretenimento, Filmes

5 lições que aprendi com “O Vendedor de Sonhos”

460043

No início do ano fui convidada para assistir ao filme “O Vendedor de Sonhos”, baseado no livro homônimo do famoso escritor brasileiro Augusto Cury. Cury, além de escritor, é médico psiquiatra e professor e suas obras são no estilo autoajuda, então sempre tive um certo preconceito. Decidi de última hora assistir ao filme, então não havia visto o trailer nem sabia o contexto da história. Estava preparada para ser um saco, quem sabe até dormir. Mas não foi assim. Não foi mesmo. O filme me surpreendeu muito com a história bem traçada, e suas criticadas “frases de efeito” me fizeram dar uma olhada dentro de mim e na minha vida, e acabei aprendendo muito com elas. Sendo assim, separei aqui 5 lições que aprendi com o filme “O Vendedor de Sonhos”.

Sinopse: Júlio César (Dan Stulbach), um psicólogo decepcionado com a vida em geral, tenta o suicídio, mas é impedido de cometer o ato final por intermédio de um mendigo, o “Mestre” (César Troncoso). Uma amizade peculiar surge entre os dois e, logo, a dupla passa a tentar salvar pessoas ao apresentar um novo caminho para se viver. Adaptação do best-seller homônimo do psicoterapeuta e escritor Augusto Cury.

  1. “Os suicidas, mesmo os que planejam a morte, não querem matar-se, mas matar a sua dor.”

No início do filme, o psicólogo Júlio César está na beira de um prédio, pensando em se jogar, e é aí que ele e o Vendedor de Sonhos se encontram. Uma constatação muito importante é que quem planeja a morte muitas vezes o faz para fugir dos problemas que tem na vida e não necessariamente por não querer viver. É importante prestarmos atenção àquelas pessoas que dão sinais de não estarem bem, para quem sabe conseguirmos amenizar as dores que elas sentem e ajudá-las a terem esperanças de melhorar.

  1. “O primeiro a ser beneficiado pelo perdão é aquele que perdoa, não o perdoado”

Uma vez li que guardar rancor é o mesmo que tomar veneno e esperar que o outro morra. Os sentimentos negativos fazem muito mal para nós mesmos, então devemos ser o mais “de boas” o possível, haha. Enquanto você está aí remoendo o que a pessoa fez, ficando de mau humor e descontando em todo mundo, a outra pessoa pode estar vivendo a própria vida, e você aí, afastando todo mundo.

  1. “O ser humano não morre quando o coração para de bater, morre quando, de alguma forma, deixa de se sentir importante”

Muito se fala dos “mortos vivos”, aqueles que morrem em vida por se tornarem escravos da rotina, das coisas que não gostam, por viverem uma vida sem sentido. Viver, de fato, é evoluir, é sentir prazer, é sentir motivação de ser melhor. Enfim, qualquer coisa que não seja continuar estático, no mesmo ponto, para sempre.

  1. “Todo mundo merece uma segunda chance”.

Em tempos de intolerância essa frase é uma grande polêmica… Pense bem: você nunca fez algo errado, vacilou com alguém, se arrependeu e desejou que isso fosse deixado de lado em função das coisas boas que já fez ou pretende começar a fazer? Olha, se isso nunca aconteceu com você, me diz, porque acho difícil! Todos merecemos segundas chances porque todos erramos, é parte da vida. Perdoar pode ser uma questão de empatia: se não sou perfeito, por que exigir que o outro nunca erre?

5. Uma pequena vírgula, para que eles continuem a escrever sua história.

E o trecho que mais me chamou atenção no filme, que mostra que todos podemos recomeçar:

“— Eu procuro vender coragem para os inseguros, ousadia para os fóbicos, alegria para os que perderam o encanto pela vida, sensatez para os incautos, críticas para os pensadores.

— E para os que pensam em pôr um ponto final na vida, procuro vender uma vírgula, apenas uma vírgula.

— Uma vírgula? — perguntou, confuso, o sociólogo.

— Sim, uma vírgula. Uma pequena vírgula, para que eles continuem a escrever sua história.”

Espero que sempre que você sentir vontade de desistir você se lembre de usar uma vírgula e continuar escrevendo sua história, da melhor maneira possível e que você possa viver momentos de felicidade!

E então, pessoal, vocês assistiram ao filme ou leram o livro? O que acharam?

Espero que tenham se inspirado pelo post e que levem alguma lembrancinha para os momentos difíceis!

Muito obrigada por tudo!

Beijinhos!!!

Entretenimento, Filmes

5 Lições que Aprendemos com Sing – Quem Canta Seus Males Espanta

 

Imagine uma Los Angeles habitada só por animais, de todos os tipos. Imagine que aí eles tenham que ganhar a vida. É nesse contexto que conhecemos Buster Moon, um coala que possui um teatro e é apaixonado pelo mundo do entretenimento. Infelizmente, ele não teve muita sorte com seus espetáculos, decidindo fazer uma nova competição de canto. Essa ideia poderia ser a grande solução para seus problemas, se não houvesse um pequeno probleminha na hora de elaborar os folhetos, aumentando imensamente o valor do prêmio. E é aí que começa a confusão.

Somos introduzidos a outras personagens, conectadas pelo amor ao canto e a vontade de ganhar a competição: Johnny, um gorila que quer um futuro na música ao invés de seguir o caminho do pai, chefe de uma gangue; Rosita, a porquinha que ama cantar mas acaba sem tempo já que cuida de 25 filhotes e seu marido mal repara nela; o rato Mike, que se acha o músico perfeito; a porca-espinho Ash, uma jovem um tanto quanto revoltada; e a tímida elefanta Meena. E esses são os ingredientes para um filme que encanta todas as gerações e vai muito além de uma simples animação. Vamos ver agora as 5 lições que mais amei nesse filme:

Buster Moon: Você sabe o lado bom de chegar ao fundo do poço? É que só há um jeito de sair: para cima!

1

Em meio a todos os problemas que Buster Moon tem, ele não desiste e tenta sempre dar um jeito de salvar o teatro que exigiu de seu pai tanto trabalho. E assim ele acaba contagiando todos os outros artistas que estão na competição com sua motivação!

Buster Moon: Não deixe o medo te impedir de fazer o que você ama.

source1

Meena tem vários problemas com sua confiança, que a impedem de revelar a voz incrível que ela tem. Assim, Buster Moon tenta motivar a elefanta a deixar seus medos para lá, para que assim ela possa fazer o que gosta.

Avô da Meena: Vamos, seja confiante! Você não quer isso?!

5

Como eu falei anteriormente, Meena é muito tímida, mas a família dela é quem mais a incentiva a investir no seu talento. Foi por causa do incentivo deles que ela tentou participar do show. Quando a gente sabe o que quer, temos que focar nisso e seguir em frente! ❤

Buster Moon: Se vocês quiserem se tornar estrelas e ganhar $100.000, então é melhor vocês estarem preparados para trabalhar mais duro do que vocês já trabalharam nas suas vidas.

source

O sucesso e as recompensas não vêm facilmente, é necessário muito trabalho duro e persistência, e com nossos talentosos bichinhos não seria diferente! Você pode nascer com um talento, mas, se não fizer nada a respeito, ele será desperdiçado!

Gunter: Você não pode simplesmente cantar, você tem que mostrar paixão e vontade.

4

Para ganhar a competição, eles teriam que se destacar, mostrando algo que os diferenciasse dos demais tipo um X-Factor hahaha. Através da música eles deveriam transmitir seus sentimentos, indo além do simples ato de cantar.

E então, pessoal, já assistiram ao filme? Gostariam de assistir?

Espero que tenham gostado das lições que mostrei aqui!

Muito obrigada por tudo!

Beijinhos!!!

Entretenimento, Filmes

Vem 2017: 5 filmes que estreiam até março!

 

2016 nos presenteou com alguns lançamentos bem legais (como mostramos nesse post aqui) e 2017 realmente promete algumas estreias maravilhosas! Após dar uma olhada nos lançamentos desse ano, marquei quase 30 estreias que quero assistir no cinema ~ sonho ~ então acabei dividindo a lista de lançamentos, indicando aqui só os que serão lançados até o final de março (porque só em janeiro já selecionei 6!). Espero que vocês gostem!

19.01 – La La Land – Cantando Estações

La La Land

Do mesmo diretor de “Whiplash – Em Busca da Perfeição” e com o maior número de indicações ao Globo de Ouro desse ano, que acontece amanhã, “La La Land” também é um dos principais cotados a prêmios no Oscar 2017. Contando com Ryan Gosling, Emma Stone e John Legend, não poderíamos espera menos do que isso! Ao narrar a busca pelo sucesso de um pianista e uma atriz iniciante enquanto se apaixonam, o filme promete música, drama e comédia. Chega logo dia 19!

Sinopse: Ao chegar em Los Angeles o pianista de jazz Sebastian (Ryan Gosling) conhece a atriz iniciante Mia (Emma Stone) e os dois se apaixonam perdidamente. Em busca de oportunidades para suas carreiras na competitiva cidade, os jovens tentam fazer o relacionamento amoroso dar certo enquanto perseguem fama e sucesso.

26.01 – Beleza Oculta

CB24716.dng

Desde a primeira vez em que assisti ao trailer desse filme eu fiquei muito impressionada. Quando ele apareceu antes de um filme no cinema, minha se encantou também e eu, novamente, me arrepiei. Como se não bastasse ter Will Smith no elenco, o filme ainda conta com a participação de Kate Winslet e Keira Knightley! Infelizmente, a crítica não está sendo muito boa com o filme, mas vou continuar com os dedos cruzados para ele ser ótimo!

Sinopse: Após uma tragédia pessoal, Howard (Will Smith) entra em depressão e passa a escrever cartas para a Morte, o Tempo e o Amor – algo que preocupa seus amigos. Mas o que parece impossível, se torna realidade quando essas três partes do universo decidem responder. Morte (Helen Mirren), Tempo (Jacob Latimore) e Amor (Keira Knightley) vão tentar ensinar o valor da vida para o protagonista.

26.01 – Quatro Vidas De Um Cachorro

485027

Outro filme que me arrepiou e que deixa todos amantes de cachorros apaixonados enquanto assistem ao trailer, “Quatro Vidas De Um Cachorro” promete trazer às telas do cinema o amor dos cachorros, que os donos há muito conhecem, mostrando que esses seres são nossos melhores amigos – não que nós não soubéssemos!

Sinopse: Um cachorro morre e reencarna várias vezes na Terra. Embora encontre novas pessoas e viva muitas aventuras, ele mantém o sonho de reencontrar o seu primeiro dono, que sempre foi seu maior amigo.

16.03 – A Bela e a Fera

Beauty and the Beast

Para tudo porque a minha princesa preferida está de volta e, dessa vez, interpretada pela Emma Watson! A semelhança do trailer com a animação da Disney é impressionante, o que me deixa super feliz. Estou super super super ansiosa para ver as xícaras, candelabros e todos os objetos falantes novamente, além da biblioteca do castelo ❤ .

Sinopse: Versão do clássico A Bela e a Fera com atores. Moradora de uma pequena aldeia francesa, Bela (Emma Watson) tem o pai capturado pela Fera e decide entregar sua vida ao estranho ser em troca da liberdade do progenitor. No castelo ela conhece objetos mágicos e descobre que a Fera é na verdade um príncipe que precisa de amor para voltar à forma humana.

30.03 – O Espaço Entre Nós

THE SPACE BETWEEN US

Enquanto estava no cinema, vi o pôster de um filme que me chamou bastante atenção pelo título e pela foto, mas não gravei o nome. Quando estava vendo a lista de lançamentos, lembrei que era esse e fui assistir ao trailei. Gostei mais ainda. Imagine ter vivido fora da Terra – mais especificamente em Marte – por 16 anos, tendo convivido com menos de 15 pessoas, porém com pais que eram da Terra. Essa é a história do jovem Gardner, que está de volta à Terra!

Sinopse: O adolescente Gardner Elliot (Asa Butterfield) é o primeiro humano nascido em solo marciano. Mas ele deseja fazer uma viagem à Terra para conhecer a verdade sobre seu pai biológico, e sobre seu nascimento. Nesta jornada, ele tem o apoio de Tulsa (Britt Robertson).

Como eu sempre sofro muito por deixar itens de fora das minhas listas, esse ano vou começar a mostrar também algumas menções honrosas!

  • 05.01 – Moana, Passageiros
  • 12.01 – Assassin’s Creed
  • 02.03 – Logan

 

As sinopses e imagens foram retiradas do site Adoro Cinema!

E então, o que acharam das indicações? Quais filmes vocês estão ansiosos para assistir?

Espero que tenham gostado!

Muito obrigada por tudo, pessoal!

Beijinhos!!!

Entretenimento, Filmes

TAG Viciado em Filmes

 

Recomendaram que eu respondesse a TAG Viciado em Filmes e, como eu realmente adoro filmes, não consegui negar. Além disso, achei as categorias bem legais. Essa TAG foi criada pela Marcela Lahoz. Ficam aqui mais algumas sugestões de filmes para vocês assistirem e aproveitarem as férias!

  1. Qual foi o último filme que você assistiu?

478249

O último filme que eu assisti foi “Rogue One – Uma História Star Wars”. Como eu só assisti a dois filmes da franquia e não entendo tanto da história, fiquei um pouco perdida em alguns aspectos, ainda mais por ela se passar anteriormente ao Episódio IV, mas gostei do filme. Adorei o humor trazido pelo K-2SO – eu simplesmente amo os “robôs” de Star Wars – além de ter novamente uma personagem feminina bastante forte.

Sinopse: Ainda criança, Jyn Erso (Felicity Jones) foi afastada de seu pai, Galen (Mads Mikkelsen), devido à exigência do diretor Krennic (Ben Mendelsohn) que ele trabalhasse na construção da arma mais poderosa do Império, a Estrela da Morte. Criada por Saw Gerrera (Forest Whitaker), ela teve que aprender a sobreviver por conta própria ao completar 16 anos. Já adulta, Jyn é resgatada da prisão pela Aliança Rebelde, que deseja ter acesso a uma mensagem enviada por seu pai a Gerrera. Com a promessa de liberdade ao término da missão, ela aceita trabalhar ao lado do capitão Cassian Andor (Diego Luna) e do robô K-2SO.

  1. Um filme que quer muito ver?

MOANA

Os filmes da Disney são umas das melhores coisas dessa vida, e esse ano ela vai nos presentear com uma “princesa” diferente, ou melhor, a filha do chefe da tribo, para ser mais exata, em “Moana – Um mar de aventuras”. Esse filme promete sair do padrão tradicional de princesa encontra príncipe – embora eu ache que todos as princesas da Disney tragam ótimas mensagens – e ir para uma linha de muitas aventuras. Estou mega animada!

Sinopse: Moana Waialiki é uma corajosa jovem, filha do chefe de uma tribo na Oceania, vinda de uma longa linhagem de navegadores. Querendo descobrir mais sobre seu passado e ajudar a família, ela resolve partir em busca de seus ancestrais, habitantes de uma ilha mítica que ninguém sabe onde é. Acompanhada pelo lendário semideus Maui, Moana começa sua jornada em mar aberto, onde enfrenta terríveis criaturas marinhas e descobre histórias do submundo.

  1. Um filme para chorar?

_DSC0128.NEF

Okay, essa categoria é difícil, considerando que 3 filmes me fizeram chorar horrores. Eu não entendo como meu choro para filmes funciona, não faz muito sentido nem para mim, mas os 3 filmes nos quais eu mais chorei foram: “A culpa é das estrelas”, “Se eu ficar” e “Como eu era antes de você”. Escolherei para essa categoria “Se eu ficar”, que me fez chorar pois consegui me colocar no lugar da personagem principal, a Mia, já que eu também tenho um irmão mais novo, e, como fala não só de romance, mas também de família, vida e seus dramas, esse filme é de cortar o coração.

Sinopse: Mia Hall (Chlöe Grace Moretz) é uma prodigiosa musicista que vive a dúvida de ter que decidir entre a dedicação integral à carreira na famosa escola Julliard e aquele que tem tudo para ser o grande amor de sua vida, Adam (Jamie Blackley). Após sofrer um grave acidente de carro, a jovem perde a família e fica à beira da morte. Em coma, ela reflete sobre o passado e sobre o futuro que pode ter, caso sobreviva.

  1. Um filme para rir?

Blended Day 22 0044.dng

Quando pensei em um filme que me fizesse rir, logo me veio à mente “Juntos e Misturados”. Adam Sandler é um dos meus atores favoritos de comédia, e a dupla Adam + Drew é a minha preferida desde que assisti a “Como se fosse a primeira vez”, que é provavelmente meu filme preferido de todos os tempos.

Sinopse: Jim (Adam Sandler) é um viúvo que tem um encontro às cegas desastroso com Lauren (Drew Barrymore), que se separou há pouco tempo devido à traição do marido. Depois do ocorrido, a última coisa que desejam é se reencontrar. Entretanto, quando Jen (Wendi McLendon-Covey), a sócia de Lauren, desiste de uma viagem à África com o namorado e seus cinco filhos, surge a oportunidade para que Lauren desfrute do passeio ao lado de Brendan (Braxton Beckham) e Tyler (Kyle Red Silverstein), seus filhos. O que ela não esperava era que o namorado de Jen também negociasse o pacote com Jim, um de seus funcionários. Ou seja, Jim e suas três filhas encontram Lauren e seus dois filhos em um resort de luxo na África, tendo que dividir as mesmas dependências durante uma semana.

  1. Um suspense?

19495241

Esse realmente não é um gênero ao qual eu assisto muito, então tive que pesquisar e ver se havia algum ao qual eu já tivesse, e foi assim que eu encontrei “Cisne Negro”. Esse filme deu um nó na minha mente, talvez vários, mas acho que não foi só comigo que isso aconteceu. As duas atrizes principais, Natalie Portman e Mila Kunis, são maravilhosas e a história foi muito bem traçada. Gostei bastante por falar de ballet, talvez de uma forma a qual não prestemos tanta atenção, abordando a pressão que elas sofrem, além de mostrar o drama familiar entre a personagem com sua mãe.

Sinopse: Beth MacIntyre (Winona Ryder), a primeira bailarina de uma companhia, está prestes a se aposentar. O posto fica com Nina (Natalie Portman), mas ela possui sérios problemas pessoais, especialmente com sua mãe (Barbara Hershey). Pressionada por Thomas Leroy (Vincent Cassel), um exigente diretor artístico, ela passa a enxergar uma concorrência desleal vindo de suas colegas, em especial Lilly (Mila Kunis). Em meio a tudo isso, busca a perfeição nos ensaios para o maior desafio de sua carreira: interpretar a Rainha Cisne em uma adaptação de “O Lago dos Cisnes”.

  1. Um filme para ver com a família?

21012637_20130614195828961

“O verão da minha vida” está na minha lista de filmes preferidos da vida e assisti ele com minha mãe, então super indico para essa categoria. Adoro a mensagem de família, descoberta de si mesmo e adolescência que ele transmite. Esse filme é a cara do verão e é demais! Falando nisso, quando o verão estava nos deixando, fiz uma lista de filmes com a cara do calor, incluindo esse filme, que tal clicar aqui e ver?

Sinopse: Duncan (Liam James) é um garoto de 14 anos que vive com a mãe e não suporta o namorado dela, Trent (Steve Carell), que volta e meia o menospreza. Eles viajam para uma casa de praia durante o verão, juntamente com a filha de Trent, Laura (Devon Werden). Deslocado em meio aos amigos de Trent e até mesmo com a própria mãe, Duncan passa os dias pedalando pelas redondezas. Num de seus passeios ele conhece Owen (Sam Rockwell), um cara despojado que trabalha no parque de diversões aquático local. Não demora muito para que o garoto se aproxime dele, especialmente quando consegue um emprego de verão no próprio parque.

  1. Um romance?

20474876

Nessa categoria eu também tive que pesquisar, mas, ao contrário da outra, foi por ter muitas opções. Quando o Google me mostrou algumas opções e vi lá “Questão de Tempo”, foi inevitável. Ele não é um filme cliché, mas um filme que trata de diversos aspectos da vida e da família com toques de drama e humor. A história do Tim e da Mary é maravilhosa, os atores são sensacionais e tudo é demais. Enfim, super recomendo esse filme, até para os não tão fãs de romance.

Sinopse: Ao completar 21 anos, Tim (Domhnall Gleeson) é surpreendido com a notícia dada por seu pai (Bill Nighy) de que pertence a uma linhagem de viajantes no tempo. Ou seja, todos os homens da família conseguem viajar para o passado, bastando apenas ir para um local escuro e pensar na época e no local para onde deseja ir. Cético a princípio, Tim logo se empolga com o dom ao ver que seu pai não está mentindo. Sua primeira decisão é usar esta capacidade para conseguir uma namorada, mas logo ele percebe que viajar no tempo e alterar o que já aconteceu pode provocar consequências inesperadas.

  1. Um filme lindo?

ulthead

Acho que nessa categoria eu vou escolher uma atriz, a Abigail Breslin. Estava procurando por um filme dela que seria o da categoria, “O Presente”, mas não achei a sinopse no site que uso para os posts, então fui procurar por sua filmografia e descobri que as 2 outras opções para a categoria também contam com a atuação dela: “Um presente para Helen”, outro filme da minha lista de preferidos da vida, e “Uma Prova de Amor”. Qualquer um desses eu tenho certeza que será muito tocante.

Sinopse: Jason acabou de perder o avô bilionário que sempre odiou e estava certo de que não herdaria nada. Mas se enganou: Red Stevens (James Garner) deixou 12 tarefas para Jason, ao fim das quais ele será avaliado e, se merecer, terá direito ao que Red chama de o maior de todos os presentes. Cada uma dessas tarefas tem o objetivo de promover alguma mudança em Jason, mas nenhuma terá direito ao que Red chama de o maior de todos os presentes. Cada uma dessas tarefas tem o objetivo de promover alguma mudança em Jason, mas nenhuma terá tanta força quanto o encontro casual com a pequena Emily (Abigail Breslin).

Fonte da imagem: Sonambulismo Literário

Fonte da sinopse: InterFilmes

  1. Um filme para morrer de medo?

19069719

Essa categoria é realmente difícil, já que não assisto a filmes de terror. Até assisti alguns quando era pequena, mas fico com medo por muito tempo. O único que lembro que gostei bastante de terror talvez não dê muito medo, mas é o que me resta para essa categoria: “Eu sei o que vocês fizeram no verão passado”.

Sinopse: Em uma pequena cidade costeira, quatro adolescentes atropelam e supostamente matam um desconhecido. Com medo das conseqüências deste acidente, decidem se livrar do corpo e o jogam no mar. A vida de cada um dos quatro toma rumos diversos e um ano depois, eles se reencontram na mesma cidade e uma das jovens recebe um bilhete dizendo: “Eu sei o que vocês fizeram no verão passado”. Deste momento em diante mortes acontecem, todas causadas por um gancho de pescador.

  1. Um filme de ação?

19650081

Talvez o filme que eu vou indicar não seja o melhor, mas eu não assisto muitos filmes desse estilo – com exceção de Velozes e Furiosos, mas optei por colocar algo não tão popular. O filme em questão é “Sem Saída”, estrelado por Taylor Lautner e Lily Collins. Esse filme foi lançado na época em que eu era super viciada em Crepúsculo, e pelo Taylor, e foi isso que me motivou. Gostei bastante do trailer, tanto que fui até no cinema assistir, haha. Achei a história bem boa e gostei bastante do filme!

Sinopse: Nathan (Taylor Lautner) é um jovem que leva uma vida normal, ao lado dos pais Kevin (Jason Isaacs) e Mara (Maria Bello), e tem uma queda pela vizinha Karen (Lily Collins). Um dia, ao realizar um trabalho de sociologia com Karen, eles acessam um site de crianças desaparecidas. Nele Nathan encontra uma foto que lembra muito ele próprio, quando era criança. Nathan passa a investigar a situação e descobre que Kevin e Mara não são seus pais biológicos. Só que, antes mesmo que eles possam dar qualquer explicação, a casa onde moram é invadida e ambos são mortos. Nathan consegue fugir ao lado de Karen, só que eles são perseguidos pela CIA e também por Kozlow (Michael Nyqvist), um agente sérvio que deseja algo roubado pelo verdadeiro pai de Nathan.

  1. Um filme que não vale a pena?

Não gosto muito de falar que um filme é ruim ou não vale a pena ser assistido, já que eu posso não gostar de um filme que outro alguém ame, então essa categoria não será respondida!

  1. Um filme para o feriado?

237770

“O amor não tira férias” é um dos meus filmes preferidos (tá, nesse TAG não tem como não falar dos meus preferidos, isso serve para ressaltar quanto eu amo esses filmes!). Embora se passe no inverno, esse filme super aquece meu coração, com suas histórias de amor lindas que ocorrem após duas estranhas mudarem de casa. Acho a história demais!

Sinopse: Iris Simpkins (Kate Winslet) escreve uma coluna sobre casamento bastante conhecida no Daily Telegraph, de Londres. Ela está apaixonada por Jasper (Rufus Sewell), mas logo descobre que ele está prestes a se casar com outra. Bem longe dali, em Los Angeles, está Amanda Woods (Cameron Diaz), dona de uma próspera agência de publicidade especializada na produção de trailers de filmes. Após descobrir que seu namorado, Ethan (Edward Burns), não tem sido fiel, Amanda encontra na internet um site especializado em intercâmbio de casas. Ela e Iris entram em contato e combinam a troca. Logo a mudança trará reflexos na vida amorosa de ambas, com Iris conhecendo Miles (Jack Black), um compositor de cinema, e Amanda se envolvendo com Graham (Jude Law), irmão de Iris.

  1. Um desenho animado?

19978569

Essa categoria tem vários candidatos – “Procurando Dory”, “Frozen”, “Barbie” – mas optei pelo meu xodó: “Meu Malvado Favorito”. Gosto mais do segundo filme do que do primeiro, então estou super animada para o terceiro. Espero que as meninas do Gru apareçam bastante, pois adoro elas, principalmente a Agnes – e seu unicórnio fofiiinho!

Sinopse: A pirâmide de Gizé foi roubada, sendo substituída por uma imensa réplica a gás. O feito é considerado o roubo do século, o que mexe com o orgulho de Gru (Steve Carell). Desejando realizar algo ainda mais impressionante, ele planeja o roubo da Lua. Para tanto conta com a ajuda dos mínions, seres amarelados que trabalham como seus ajudantes, e do dr. Nefario (Russell Brand), um cientista. Só que para realizar o roubo terá que tomar de Vetor (Jason Segel), o ladrão da pirâmide, um raio que consegue diminuir o tamanho de tudo que atinge. Sem conseguir invadir a fortaleza de Vetor, Gru encontra o plano perfeito quando vê as três órfãs Margo (Miranda Cosgrove), Agnes (Elsie Fisher) e Edith (Dana Gaier) entrarem no local para vender biscoitos. Ele então vai ao orfanato e resolve adotá-las. Só não esperava que, aos poucos, fosse se afeiçoar às irmãs.

  1. Um filme que todo mundo tem que ver?

19892818

Acho que todos os filmes que eu indiquei deveriam ser assistidos por todo mundo, hehe, mas acho que os filmes que indiquei como “lindos” seriam os mais adequados para essa categoria. Então, mudei um pouco o rumo e resolvi colocar nessa categoria um clássico, razão pela qual este deve ser assistido: “Uma linda mulher”. Esse é outro filme marcante em minha vida, fazer o que, tendo Julia Roberts no elenco, o resultado só poderia ser algo muito bom!

Sinopse: Magnata perdido (Richard Gere) pede ajuda a uma prostituta (Julia Roberts) que “trabalha” no Hollywood Boulevard e acaba contratando-a por uma semana. Neste período ela se transforma em uma elegante jovem para poder acompanhá-lo em seus compromissos sociais, mas os dois começam a se envolver e a relação patrão/empregado se modifica para um relacionamento entre homem e mulher

  1. Um filme que você assistiu 3 ou + vezes?

18381801

Vários dos meus filmes favoritos já mencionados poderiam entrar nessa lista, haha, mas vou apresentar vocês a mais um dessa lista: “De Repente 30”. Passando na Globo quase anualmente, esse filme marcou muito a minha vida, e eu não cansei de assistir. Todas as meninas deveriam assistir a essa trama que fala sobre as expectativas e realidades da vida adulta. Além disso, traz no elenco a Jenifer Garner e o Mark Ruffalo!

Sinopse: Jenna Rink (Christa B. Allen) é uma garota que está descontente com sua própria idade, já que seus colegas mais populares da escola não lhe dão atenção, seus pais ficam sempre no seu pé e o garoto por quem está apaixonada nem sabe que ela existe. A única amizade que Jenna possui é Matt Flamhaff (Sean Marquette), seu vizinho. Para tentar reverter a situação Jenna decide por ter uma grande festa para o seu 13º aniversário, convidando todos os adolescentes que conhece. Porém o que deveria ser sua consagração se transforma num grande desastre, após Jenna ser trancada em um armário devido a uma brincadeira e ser completamente esquecida pelos demais presentes na festa. Triste, Jenna faz um pedido: virar adulta de repente, para ter a vida com que sempre sonhou. O pedido milagrosamente se torna realidade e, no dia seguinte, Jenna (Jennifer Garner) desperta em 2004 e com 30 anos de idade. De início Jenna fica assustada com as novidades de sua vida, mas aos poucos fica cada vez mais encantada por ter se tornado tudo aquilo que sempre sonhou ser. Porém, quando tenta reencontrar Matt (Mark Ruffalo), Jenna descobre que perdeu contato com ele há vários anos e que agora ele está prestes a se casar.

  1. Um filme para meninas? “Um filme que traz uma forte personagem feminina”

131883

Ops, não curti muito o nome dessa categoria, ainda mais com todos os movimentos atuais contra o sexismo! Resolvi mudar para “Um filme que traz uma forte personagem feminina” e trabalhar nosso empoderamento! Falei anteriormente que não assisti a todos os filmes de Star Wars, mas ano passado fui na pré-estreia do Episódio VII – “Star Wars – O Despertar da Força” e adorei a Rey! Ela é fundamental no filme, mostrando a força feminina. Acredito que a saga traga essa mensagem, com a Princesa Léia, a Padmé e a Jyn do último filme. Aliás, Star Wars trata de vários assuntos bastante relevantes, como as questões políticas, então vale a pena ter uma visão crítica ou dar uma buscada no Google sobre essas interpretações.

Sinopse: Décadas após a queda de Darth Vader e do Império, surge uma nova ameaça: a Primeira Ordem, uma organização sombria que busca minar o poder da República e que tem Kylo Ren (Adam Driver), o General Hux (Domhnall Gleeson) e o Líder Supremo Snoke (Andy Serkis) como principais expoentes. Eles conseguem capturar Poe Dameron (Oscar Isaac), um dos principais pilotos da Resistência, que antes de ser preso envia através do pequeno robô BB-8 o mapa de onde vive o mitológico Luke Skywalker (Mark Hamill). Ao fugir pelo deserto, BB-8 encontra a jovem Rey (Daisy Ridley), que vive sozinha catando destroços de naves antigas. Paralelamente, Poe recebe a ajuda de Finn (John Boyega), um stormtrooper que decide abandonar o posto repentinamente. Juntos, eles escapam do domínio da Primeira Ordem.

Imagens e sinopses extraídas do site Adoro Cinema.

Depois de mencionar tantos dos meus filmes preferidos da vida, acho que vou fazer um post só sobre eles, o que vocês acham? Haha.

Espero que vocês tenham gostado das minhas respostas! Podem responder a TAG nos comentários, se quiserem, vou adorar ler!

Muito obrigada por tudo!

Beijinhos!!!

Entretenimento, Filmes

Retrospectiva 2016: 5 filmes lançados em 2016 que ganharam meu coração

 

Cada vez mais eu tenho acompanhado os lançamentos do cinema e nesse ano aconteceram alguns lançamentos bem legais. Foi um ano bem positivo para quem gosta dos heróis e, como estou assistindo cada vez mais esses filmes, 3 dos 5 filmes são deles! Sorry 😀

11.02 Deadpool

1-1

Para começar o ano bem, o anti-herói mais engraçado do cinema chegou. Esse filme é sensacional para quem está a fim de dar umas risadas enquanto assiste um filme com história – sim, tem história! É um filme meio “besteirol” – talvez alguns anos atrás eu nem curtisse ele huehue, mas eu achei demais!

Sinopse: Ex-militar e mercenário, Wade Wilson (Ryan Reynolds) é diagnosticado com câncer em estado terminal, porém encontra uma possibilidade de cura em uma sinistra experiência científica. Recuperado, com poderes e um incomum senso de humor, ele torna-se Deadpool e busca vingança contra o homem que destruiu sua vida.

28.04 Capitão América: Guerra Civil

2

Fonte

Sendo apaixonada pelo Capitão América  (#TeamCap), certamente esse era o filme mais esperado do ano para mim. Trazendo vários dos Vingadores, além de outros heróis sensacionais (Homem-Formiga, seu lindo) o filme também introduziu o “novo” Homem-Aranha, agora interpretado pelo Tom Holland, além do Pantera Negra, o primeiro super-herói negro dos gibis, que será interpretado pelo Chadwick Boseman. Resumindo: esse filme é sensacional! ❤

Sinopse: Steve Rogers (Chris Evans) é o atual líder dos Vingadores, super-grupo de heróis formado por Viúva Negra (Scarlett Johansson), Feiticeira Escarlate (Elizabeth Olsen), Visão (Paul Bettany), Falcão (Anthony Mackie) e Máquina de Combate (Don Cheadle). O ataque de Ultron fez com que os políticos buscassem algum meio de controlar os super-heróis, já que seus atos afetam toda a humanidade. Tal decisão coloca o Capitão América em rota de colisão com Tony Stark (Robert Downey Jr.), o Homem de Ferro.

18.06 Como eu era antes de você

ME BEFORE YOU

Eu resumiria esse filme em duas palavras: risos e lágrimas. Eu me apaixonei pelas personagens nas primeiras páginas do livro e adorei a adaptação para o cinema. Embora algumas partes do livro no qual o filme foi inspirado tenham ficado de fora – o que é compreensível, considerando o tempo limitado –, o essencial continuou fiel ao livro. Eu acho a Clark demais e amei o figurino, a atriz, a atuação, enfimmm, só amores por esse filme (e várias lágrimas), haha. Adorei tanto a história que fiz 3 posts relacionados a ele, um aquece para o filme, as 5 lições que ele me ensinou e as 5 músicas da trilha sonora que eu mais curti.

Sinopse: Rico e bem sucedido, Will (Sam Claflin) leva uma vida repleta de conquistas, viagens e esportes radicais até ser atingido por uma moto, ao atravessar a rua em um dia chuvoso. O acidente o torna tetraplégico, obrigando-o a permanecer em uma cadeira de rodas. A situação o torna depressivo e extremamente cínico, para a preocupação de seus pais (Janet McTeer e Charles Dance). É neste contexto que Louisa Clark (Emilia Clarke) é contratada para cuidar de Will. De origem modesta, com dificuldades financeiras e sem grandes aspirações na vida, ela faz o possível para melhorar o estado de espírito de Will e, aos poucos, acaba se envolvendo com ele.

30.06 Procurando Dory

4

Fonte

Não poderia faltar uma animação! Quando li que esse filme seria lançado, fiquei looouca de ansiedade para que ele saísse logo! A Dory é uma das minhas personagens preferidas das animações, então eu fiquei muito muito empolgada. Não consegui assistir no cinema, mas, mesmo sem essa emoção a mais, adorei! Tem mais Nemo, Marlin e aventuras, além de baleiês. o/ Outro filme que é só amor!

Sinopse: Um ano após ajudar Marlin (Albert Brooks) a reencontrar seu filho Nemo, Dory (Ellen DeGeneres) tem um insight e lembra de sua amada família. Com saudades, ela decide fazer de tudo para reencontrá-los e na desenfreada busca esbarra com amigos do passado e vai parar nas perigosas mãos de humanos.

04.08 Esquadrão Suicida

5-2

Considerando que eu já tinha quase decorado as falas do trailer, mesmo assim esse filme me surpreendeu! As críticas não foram das melhores, mas eu realmente curti. Achei que, por terem tantos personagens interessantes, o filme fosse perder o foco, mas ficou muito bem entrelaçado. Não entendi alguns pontos, outros não fizeram sentido, mas gostei bastante do desenvolvimento do filme e das personagens. Fiz um post sobre esse filme também!

Sinopse: Após a aparição do Superman, a agente Amanda Waller (Viola Davis) está convencida que o governo americano precisa ter sua própria equipe de metahumanos, para combater possíveis ameaças. Para tanto ela cria o projeto do Esquadrão Suicida, onde perigosos vilões encarcerados são obrigados a executar missões a mando do governo. Caso sejam bem-sucedidos, eles têm suas penas abreviadas em 10 anos. Caso contrário, simplesmente morrem. O grupo é autorizado pelo governo após o súbito ataque de Magia (Cara Delevingne), uma das “convocadas” por Amanda, que se volta contra ela. Desta forma, Pistoleiro (Will Smith), Arlequina (Margot Robbie), Capitão Bumerangue (Jai Courtney), Crocodilo (Adewale Akinnuoye-Agbaje), El Diablo (Jay Hernandez) e Amarra (Adam Beach) são convocados para a missão. Paralelamente, o Coringa (Jared Leto) aproveita a oportunidade para tentar resgatar o amor de sua vida: Arlequina.

As imagens que estão sem fonte e as sinopses foram extraídas do site Adoro Cinema!

E aí, pessoal, gostaram dos filmes? Já assistirem?

Muito obrigada por tudo!

Beijinhos!!!

Entretenimento, Filmes

Aquece “Esquadrão Suicida”

 

Esse mês estreou um dos filmes que eu mais aguardava desse ano: Esquadrão Suicida! Estou esperando para assisti-lo na semana do meu aniversário, já que montei uma programação especial, haha, então, para aguardar a próxima semana, resolvi separar alguns filmes nos quais os atores de ES apareceram!

Jared Leto – Coringa

01

Vou começar com uma indicação não muito comum no blog, o filme Sr. Ninguém (Mr. Nobody). Assisti ao filme em uma aula de filosofia e ele me fez pensar sobre muitas coisas. É possível fazer várias análises sobre a vida, o mundo e as nossas conexões enquanto acompanhamos o desenrolar da vida de Nemo Nobody e as consequências de suas escolhas. No YouTube existem vários vídeos fazendo uma análise do filme!

Sinopse: Nemo Nobody (Jared Leto) leva uma vida comum ao lado de sua família. Ele acorda no ano de 2092 e agora, com 118 anos, é o último mortal em um planeta de seres humanos imortais. As suas preocupações, contudo, envolvem outras questões, como o que aconteceu durante a passagem de tempo e se viveu sua vida como gostaria.

Margot Robbie – Arlequina

02

Esse filme certamente não é o mais relevante da carreira da atriz, tendo ela participado de apenas alguns instantes dele, mas é uma das minhas paixões: Questão de Tempo (About Time). A atriz representa Charlotte, prima do namorado da irmã do personagem principal (bastante confuso, eu sei!), Tim, e vai passar o verão com a família. Ela aparece aos 13 segundos do trailer abaixo!

Sinopse: Ao completar 21 anos, Tim (Domhnall Gleeson) é surpreendido com a notícia dada por seu pai (Bill Nighy) de que pertence a uma linhagem de viajantes no tempo. Ou seja, todos os homens da família conseguem viajar para o passado, bastando apenas ir para um local escuro e pensar na época e no local para onde deseja ir. Cético a princípio, Tim logo se empolga com o dom ao ver que seu pai não está mentindo. Sua primeira decisão é usar esta capacidade para conseguir uma namorada, mas logo ele percebe que viajar no tempo e alterar o que já aconteceu pode provocar consequências inesperadas.

Will Smith – Pistoleiro

03

Em se tratando de Will Smith, quase todos os filmes são conhecidos, haha. Tentei procurar por algum filme diferente e me recomendaram Sete Vidas (Seven Pounds). Assisti o trailer e fiquei bastante intrigada e curiosa com esse filme. Ele parece muito bem planejado e diferente do que estou acostumada.

Sinopse: Ben Thomas (Will Smith) é um agente do imposto de renda que possui um segredo trágico. Por conta disso, ele é um homem que tem um grande sentimento de culpa, o que faz com que salve as vidas de completos desconhecidos. Porém, tudo muda quando ele conhece Emily Posa (Rosario Dawnson), pela primeira vez é Ben quem tem a chance de ser salvo.

Cara Delevingne – Magia

04

Quando eu pensava na Cara como atriz apenas um filme me vinha na cabeça: Cidades de Papel. Porém, como o objetivo do post foi me desafiar a sair do óbvio, haha, pesquisei no Google mais sobre ela e descobri que ela fez filmes anteriores, um deles que me chamou muito a atenção quando assisti: Anna Karenina. Acho muito louco quando começamos a gostar de um ator/atriz e, quando pesquisamos, descobrimos que já vimos suas obras anteriores! Esse filme é uma crítica bem forte à sociedade e vale muito a pena assistir, além de ser a estreia de Cara em filmes. Sua personagem é a Princesa Sorokina, interesse do Conde Vronsky (que é o interesse da personagem principal…).

Sinopse: Século XIX. Anna Karenina (Keira Knightley) é casada com Alexei Karenin (Jude Law), um rico funcionário do governo. Ao viajar para consolar a cunhada, que vive uma crise no casamento devido à infidelidade do marido, ela conhece o conde Vronsky (Aaron Johnson), que passa a cortejá-la. Apesar da atração que sente, Anna o repele e decide voltar para sua cidade. Entretanto, Vronsky a encontra na estação do trem, onde confessa seu amor. Anna resolve se separar de Karenin, só que o marido se recusa a lhe conceder o divórcio e ainda a impede de ver o filho deles.

 

Jai Courtney – Capitão Bumerangue

05

O Jai atua em um dos meus filmes preferidos: Divergente (Divergent). Por mais que critiquem a infidelidade do filme ao livro, eu gosto bastante do primeiro filme! Nele, o ator interpreta o tudo-de-ruim Eric, responsável por treinar os novatos que já eram da Audácia. (A foto é de Insurgente mas o personagem é o mesmo, haha) Ele também participou do filme O Exterminador do Futuro: Gênesis, mencionado nesse post aqui!

Sinopse: Na futurística Chicago, quando a adolescente Beatrice (Shailene Woodley) completa 16 anos ela tem que escolher entre as diferentes facções que a cidade está dividida. Elas são cinco e cada uma representa um valor diferente, como honestidade, generosidade e coragem. Beatrice surpreende a todos e até a si mesma quando decide pela facção dos destemidos, diferente da família. Ao entrar para a Audácia ela torna-se Tris e entra numa jornada para afastar seus medos e descobrir quem é de verdade. Além disso conhece Quatro (Theo James), rapaz experiente que consegue intrigá-la e encantá-la ao mesmo tempo.

Sinopses e imagens extraídas do site Adoro Cinema!

E então pessoal, o que acharam das dicas? Espero que tenham gostado!

Muito obrigada por tudo!

Beijinhos!!!

Desafios, Entretenimento, Filmes, Metas

#ChallengeBookamajig: Semana 02

 

E estamos já na terceira semana de Agosto! Isso significa que terminou a segunda semana do #ChallengeBookamajig! Para quem não sabe, é um desafio literário que consiste em postar, a cada dia, uma foto com um tema literário de acordo com o que os criadores da tag determinaram. Para ver o post da primeira semana, é só clicar aqui!

Dia 8 – Meet the reader: A proposta era conhecer um pouco mais o leitor – no caso eu – que participava do desafio!

View this post on Instagram

Dia 8: Meet the reader. A proposta de hoje é mostrar um pouquinho de mim, e acho que essa foto me representa bem: 1. Meu nome é Camila, eu tenho 18 (quase 19 🎉🎊🎈) anos e curso Licenciatura em Matemática. 2. Minha coleção de livros preferida é Divergente, e gosto bastante da história do primeiro filme, nos outros viajaram bastante, mas eu até que curto. 3. Meu herói preferido é o Capitão América. ❤💙 4. Minha cor preferida é roxo. 💜 5. Eu estou constantemente com rinite alérgica, o que explica o papel higiênico no fundo da foto. Espero que vocês gostem um pouquinho mais de mim, haha. Day 8: Meet the reader. So, here's a picture of me, and we can take some conclusions: 1. My name's Camila, I am 18 (almost 19 🎈🎊🎉) years old. I study Math. 2. My favourite book series is Divergent. 3. My favourite hero is Captain America. 💙❤ 4. My favourite color is purple. 💜 5. I am very allergic and that's why we can see toilet paper in the picture. Hope you all like me, haha. #ChallengeBookamajig #MeettheReader

A post shared by Blog Descartes do Amor (@descartesdoamor) on

Adorei essa ideia e fiquei bastante feliz por ter conseguido me representar bem através dessa foto!

Dia 09 – Rainbow Spiral: A ideia era fazer uma torre de livros colorida e em espiral.

Eu super gostei do resultado! Acho que foi uma das minhas fotos preferidas! A única parte ruim foi guardar todos os livros, haha.

Dia 10 – Recreate a book cover: Recriar, de alguma maneira, a capa de um livro.

Essa foto eu postei super atrasada, pois achei que se fizesse na corrida não ia me agradar. Acabei achando bem interessante o resultado, gostei dessa ideia!

Dia 11 – #twirlingpages: A proposta era tirar uma foto com as páginas do livro “voando”.

Essa foto não é uma das que eu mais gostei, mas considerando a correria desse dia, achei que ficou bom.

Day 12 – Current Obsessions: Mostrar um pouquinho das nossas obsessões do momento.

Bom, considerando que eu tinha que mostrar as coisas que eu gosto, eu adorei esse tópico! Confesso que talvez tenha informação demais nessa foto, mas são meus amorzinhos e eu não queria deixar nenhum de fora, haha.

Dia 13 – Pastel and Flowers: Combinar livros em tons pastel com flores.

As duas coisas que eu amo, porém descobri que quase não tenho livros em tons pastel, além de só ter flores artificiais em casa nesse dia. Mesmo assim, no final acabei gostando do resultado!

Dia 14 – #Booksthetics: Mostrar imagens que representem seu feed.

Tinha tanta coisa que eu queria colocar que provavelmente ficou com muita informação, mas não dava para excluir nada, haha!

E então, pessoal, o que estão achando desse desafio? Espero que estejam gostando tanto quanto eu! Se ainda não seguem o insta do blog, corre lá e segue!

Muito obrigada por tudo!

Beijinhos!!!