Filmes

5 lições que aprendi com “La La Land – Cantando Estações”

 

La La Land

 

Mesmo com a confusão do ganhou-só-que-não o prêmio de melhor filme no Oscar, La La Land – Cantando Estações ganhou meu coração já no primeiro trailer ao qual assisti! O filme levou 7 estatuetas do Globo de Ouro e 6 dos 14 prêmios do Oscar aos quais foi indicado, incluindo o de melhor atriz, para Emma Stone, e melhor diretor, para Damien Chazelle (o mesmo de Whiplash – Em busca da perfeição).

 

Sinopse: Ao chegar em Los Angeles o pianista de jazz Sebastian (Ryan Gosling) conhece a atriz iniciante Mia (Emma Stone) e os dois se apaixonam perdidamente. Em busca de oportunidades para suas carreiras na competitiva cidade, os jovens tentam fazer o relacionamento amoroso dar certo enquanto perseguem fama e sucesso. – Fonte: Adoro Cinema

Nunca assisti a muitos musicais (com exceção de High School Musical, né), então não sabia se ia realmente gostar, porém, as músicas enriqueceram muito a história e, por mais que as sequências pareçam absurdas, cada música transmite uma mensagem e está conectada ao contexto do filme. Algumas interpretações eu só fui entender quando li mais sobre o filme – às vezes eu sou meio devagar, hehe -, mas isso acabou me deixando ainda mais encantada com a genialidade da obra!

Não podia deixar de escrever sobre o filme, mas já adianto que vocês PRECISAM assistir, nem que seja para não gostar… e aqui vão 5 lições que aprendi com o filme!

  1. “Estou deixando a vida bater em mim até que ela se canse. Aí eu vou revidar. É um golpe clássico”

Trailer 3 - Dreamers (1).gif

Narrando a busca de dois artistas pelo sucesso, Sebastian, querendo abrir seu próprio clube de jazz; Mia, querendo ser uma atriz, o filme mostra como o mundo do entretenimento não é assim tão simples, quanto esforço é necessário, e como é necessário ser mais teimoso do que a vida, de vez em quando, e continuar persistindo no que de fato desejamos – e isso vale para todo mundo!

  1. “As pessoas amam aquilo que os outros fazem com paixão”

Trailer 1 - City Of Stars

Sabe aquele momento de crise entre fazer o que amamos ou o que nos traz mais benefícios? Então, aqui vai uma liçãozinha: conquiste as pessoas com seu amor pelo que faz e você terá o devido retorno!

  1. “Um brinde àqueles que sonham! Mesmo que pareçam bobos. Um brinde aos corações partidos e toda a bagunça que causam!”

Trailer 2 - Audition

Aaaah, a letra de Audition (The Fools Who Dream) é tão linda! A música foi indicada ao Oscar de “Melhor canção original”, porém perdeu para “City Of Stars”, outra música do filme, que também é maravilhosa. Durante todo o filme podemos perceber a mensagem de que devemos persistir nos nossos sonhos e nunca desistir.

  1. “Esse é o sonho. É conflito e comprometimento e é muito, muito emocionante.”

Trailer 3 - Dreamers

O caminho para alcançar nossos objetivos não é ~nada~ fácil, mas você já parou para pensar que talvez isso seja o que torna tudo tão especial?

  1. “Você poderia escrever seus papéis, sabe, escrever algo tão interessante quanto você é.”

Trailer 2 - Audition (2)

Quando a vida não te dá as oportunidades que você procura, crie-as! A Mia vivia buscando papéis para os quais não conseguia ser aprovada e está aí em cima a dica que o Sebastian dá para ela. Torne suas lições, os seus gostos e aquilo que você tem em algo ainda mais especial!

P.S.: Os gifs eu mesma que fiz nesse link aqui, você pode fazer os seus também, a partir dos 3 trailers!

O filme é cheio de referências a clássicos do cinema, e neste vídeo você vê comparações entre as cenas do filme com os originais:

E vocês, já assistiram ao filme? Espero que tenham gostado do post!

Muito obrigada por tudo, pessoal!

Beijinhos!!!